ENVIO GRÁTIS PARA TODO O TERRITÓRIO NACIONAL EM COMPRAS DE VALOR SUPERIOR A 20 EUROS



Follow Me To The Popcorn: The Untold History of the Belgium Popcorn Scene

V/A

Jazzman

Regular price €14,00

Tax included.

LISTEN:
CLIP1 - CLIP2 - CLIP3 - CLIP4 - CLIP5


O apelo desta música estava muito na ideia de transgressão, numa zona meio proibida de flirt, bebida e prazeres nocturnos, talvez não tão distante assim do fenómeno Northern Soul em Inglaterra, mas a música tem decididamente um tom diferente para quem se debruça sobre ela com um pouco de atenção. Estamos a falar de um género que atravessa géneros, a que se chamou Popcorn, e que não era necessariamente sempre Soul. No fundo, a capa explica a intenção: “”If you don’t like girls… if you don’t dance… if you don’t drink… stay away”. 24 faixas essencialmente de Soul, R&B, Rock N Roll, alguma Exotica, atmosfera de selva, mas numa velocidade muito diferente do passo frenético da Northern Soul. Popcorn soa mais lento, sexy, insinuante, uma promessa de acção em vez de descarga directa de energia. O nome foi muito cultivado na Bélgica durante a década de 60 e acabou por se tornar género e objecto de pesquisa mais dedicada por parte de coleccionadores e DJs com vontade de manter viva essa ideia de cultura noctívaga confortável, onde as convenções diurnas ficam à porta. Elogios a características físicas, desejos bem expressos, má vida como boa vida.