FLUR 2001 > 2021



Antiphonals

Sarah Davachi

Late Music

Regular price €23,00

Tax included.

LISTEN:
CLIP1 - CLIP2 - CLIP3 - CLIP4 - CLIP5


Sarah Davachi tem editado a um ritmo alucinante. Muita da música foi gravada pré-pandemia, mas percebe-se que a compositora esteve a trabalhar em material gravado durante a quarentena. Mas o ritmo já existia, nunca como uma extenuante batalha para editar tudo o que cria, mas porque cria muito – com valor -, porque é dotada de talento e vontade para explorar um manancial ideias em diferentes órgãos, instrumentos e procurar tons que concedam uma visão contemporânea de métodos do passado (por vezes medievais). Assim se chega a “Antiphonals”, gravado com Mellotron, sintetizadores, órgãos, piano, numa procura de dar forma – por outros modos – a drones com uma sonoridade medieval. Há qualquer coisa de religioso, de familiar, não na obra em si, mas na relação de empatia com os sons e como eles se alastram, desenvolvem. Torna-se complicado evitar palavras como “cerimónia”, porque é mesmo disso que se trata. Pelos ouvidos somos levados a ondas cerimoniais, a rituais que Davachi cria e que emanam uma paz imensa. São drones que navegam para outro sítio e, simultaneamente, a compositora canadiana nunca gravou algo que soasse tão familiar, tão enraizado nas paletes de sons da cultura ocidental e na sua base cristã. Longe de ser um álbum religioso, “Antiphonals” ouve-se como paz e brandura depois da tempestade. Um desafio à compreensão da beleza e, talvez, o disco mais acessível de Davachi sem aceder ao compromisso. Monumental.