Novas opções no checkout: ENTREGA GRÁTIS NO MUNÍCIPIO DE LISBOA // ENVIO GRÁTIS PARA TODO O TERRITÓRIO NACIONAL



Meio Que Sumiu

Ondness

Souk

Regular price €16,50

Tax included.

LISTEN:
Preview


Diz-me como editas a tua música e eu dir-te-ei quem és. Há casos e casos, o de Ondness – e o de Bruno Silva – é um a ter em conta na música actual. Ao longo desta década, assimilou os formatos que melhor serviam à sua música, quer como Ondness, Serpente ou em Sabre. A atenção agora é em Ondness, talvez o mais universal dos projectos de Bruno Silva, universal no sentido de entender as rotas contemporâneas do pensamento musical. Após muitas edições em cassete, que justificam o carácter contemporâneo, imediato e conscientemente sazonal da sua música, edita agora o seu primeiro LP, “Meio Que Sumiu”, na Discrepant/Souk2019 ouvimo-lo duas vezes, primeiro em “Not Really Now, Not Any More”, agora neste LP, ambos assimilações bonitas e bem construídas sobre a electrónica e a música de dança actual. Tudo à custa de racionalizações em cima de racionalizações em volta do objecto a ser criado. Torna-se então, música de ficção. Música que não existe porque não há lugar para ela existir: não vence nos cânones da electrónica, é atribulada para vingar numa pista de dança e foge ao status quo daquilo que pode ser entendido como hauntology. “Meio Que Sumiu” tem Ondness a fugir à sua própria música e a consumir-se pelo seu futuro: já o ouvimos e é glamoroso. Voltando à frase inicial: o LP de “Meio Que Sumiu” não é um passo em frente em relação às cassetes. É um separador de capítulos.