FLUR 2001 > 2021



Pais & Filhos

Niagara

Príncipe

Regular price €15,50

Tax included.

LISTEN:
CLIP1 - CLIP2 - CLIP3 - CLIP4 - CLIP5


Ali atrás no mês de Maio de 2020, "Pais & Filhos" saía em formato digital, mantendo a rolar um fluxo editorial em plena incerteza da Primeira Vaga. Agora em vinil, o álbum reapresenta-se ao mundo, também com nova arte de Márcio Matos, e o que escutamos chega-se mais ao núcleo do imponderável estilístico que são os Niagara. Ou seja, cada disco do trio baseado em Loures oferece, desde logo, a surpresa do som, e funciona de facto como documento da fase de exploração em que se encontram. A trilogia de faixas "Ano-A", "Ano-B" e "Ano-C", por exemplo, encontra um ponto confortável entre dub, ambientalismo e gravações de campo, ajudando a definir a música como matéria orgânica capaz de se alterar a si mesma. Em torno dessa base evoluem quatro outras faixas, outras tantas sensibilidades que tão naturalmente se focam em tons que nos parecem saídos de um arquivo histórico selecto como descobrem vias que ainda por catalogar. No meio, Niagara ainda únicos.

"As a sort of introductory discharge, "21:44" announces yet another path in Niagara's sonic journey. No two records sound alike, as the trio clearly differentiates creative processes and moods. As often before, the tracks arise from countless hours of live jams where those processes are implemented. The old school ancestral vibe in "Tília" sends the listener back to "Forbidden Planet" territory, not only because of the vintage sci fi feel but also conducive to the kind of psychological turmoil the 1956 movie explores. "Ano-A", "Ano-B" and "Ano-C" stem from the same root and all use acoustic percussion to add more organic life to the liquid nature of the music. The resulting sound is simultaneously pregnant with possibilities and fully conscious of a carefully designed map, leaving us adrift in the ebb and flow. History is dotted with examples of "spontaneous music", and Niagara themselves promote and incorporate an artificial reality capable of self regenerating and plotting unfamiliar courses. There's something going on." (Label PR)