ENVIO GRÁTIS PARA TODO O TERRITÓRIO NACIONAL EM COMPRAS DE VALOR SUPERIOR A 20 EUROS



Beaches & Canyons

Black Dice

Fat Cat

Sale price €10,00 Regular price €13,50

Tax included.

LISTEN:
CLIP1 - CLIP2 - CLIP3 - CLIP4 - CLIP5


Parece que foi há duas décadas. E foi. Em 2002 sentiu-se que “Beaches & Canyons” contaria uma história para lá de 2002. E assim foi. A questão não é tanto do que o que ficou para a história, mas também o que não ficou (e há muito e daqui a décadas perceber-se-á a volatilidade e voracidade disso tudo). Durante grande parte da primeira década deste século a música experimental norte-americana teve uma visão do infinito. Sentiu-se mais na primeira metade, fruto da entrada, da urgência de um novo século, de uma geração nascida entre finais dos 1970s e inícios dos 1980 que recriava nostalgia, códigos e formas de comunicar. O álbum dos Black Dice é, ainda hoje, um acontecimento raro. Tempestade perfeita. “Things Will Never Be The Same”, o segundo tema de “Beaches & Canyons”, funciona como um portal que abriu cabeças de muitos para as diversas dimensões da música e para o quebrar com a idealização dos géneros. Tornou a Música acessível. Aproximou experimental da pop, noise da dança, facilitou a percepção do som enquanto experiência para toda uma geração. Tornou possível o “experimental” e a “electrónica” na música popular. “Beaches & Canyons” regista também um momento na forma de criar de um sem número de bandas que surgiram no virar do século, na sua vontade constante de avançar e mudar o som (os Animal Collective vieram daqui), tornando a gravação em estúdio mais numa coisa de “registo do passado” do que “usufruto do futuro”. Música que criava uma sensação de estar presente, de estar a viver o momento, e que exigia ouvir o que vinha a seguir, como uma resposta para o futuro. Os Black Dice faziam, então, parte de uma geração que vivia para a frente, num constante apagar do momento. “Beaches & Canyons” regista o pico dessa existência, guarda a história viva de quem o ouviu em 2002 e confirma as reacções de alguns: é um dos melhores álbuns de sempre.