ENVIO GRÁTIS PARA TODO O TERRITÓRIO NACIONAL EM COMPRAS DE VALOR SUPERIOR A 20 EUROS



Whole New Mess

Angel Olsen

Jagjaguwar

Regular price €27,50

Tax included.

LISTEN:
CLIP1 - CLIP2 - CLIP3 - CLIP4 - CLIP5


Um espelho invertido de "All Mirrors"? É uma forma de começar por olhar para "Whole New Mess", que se apresenta como as canções gravadas no íntimo que deram origem a todo o processo para o álbum do ano passado. "Whole New Mess" pode ser um álbum de demos ou um de "regresso às origens" de Angel Olsen. Preferimos uma terceira via, um de descoberta de canções. E embora isso pareça um eufemismo para "demos", não é, é um facilitador de caminho para se abraçar a descoberta de uma Angel Olsen que já se ouviu em "All Mirrors". Embora estejam aqui algumas versões de temas de "All Mirrors", elas são vividas com a real insegurança de quem está a criar e teme a exposição. Afinal, estas canções foram gravadas num período em que Angel decidiu dar uma digressão sozinha e evitar dar quaisquer explicações sobre o que estava a fazer. Ela própria o disse no concerto em Lisboa. Se na altura havia a dúvida, agora há a certeza de que o fez para se proteger a si e às suas canções. Para se abrir à criação e à dúvida e poder assim questionar o seu trabalho e lançar-se a "All Mirrors". As canções de "Whole New Mess" - até pela canção título, explicativa de tudo isto - só podiam ser ouvidas agora e terem sido feitas antes. É um luxo, mesmo em pretensa, entrar na cabeça de alguém, e é também com isso em mente que Angel mete estas canções cá fora. Matar o passado para ir de frente para o presente. Não tem sido isso que ela tem feito até agora?