ENVIO GRÁTIS PARA TODO O TERRITÓRIO NACIONAL EM COMPRAS DE VALOR SUPERIOR A 20 EUROS



All Things Being Equal

Sonic Boom

Carpark

Regular price €10,95

Tax included.

LISTEN:
CLIP1 - CLIP2 - CLIP3 - CLIP4 - CLIP5


Desde que os Spacemen 3 se separaram, que Peter Kember se escondeu em vários nomes, mas um sempre ficou mais do que outros, Sonic Boom. Embora, com esse nome, a solo, nunca tenha editado muito. O anterior longa-duração de estúdio – “Spectrum”, outro dos seus pseudónimos – é de 1990. “All Things Being Equal” não é apenas o regresso de Sonic Boom, três décadas depois, mas o de Kember aos trabalhos a solo em estúdio. Kember, actualmente a residir em Portugal, passou a última década a produzir álbuns de outros, a imprimir um enchimento sónico que lhe é único. Tirou sempre um bocadinho do álbum dos outros. Faltava o dele. A composição e a decomposição do som continuam a ser-lhe únicas. As estradas sónicas vivem como uma idealização singular da electrónica mais vanguardista a encontrar a pop, arrojada e acessível, sensível e contínua. Kember experimenta regularmente nos mesmos lugares, descobrindo como os mesmos sons podem soar ao mesmo e como novos sons podem recordar qualquer momento da sua carreira. É uma maneira demorada de dizer propriedade, mas também de dizer que enquanto não esteve a compor, dedicou-se a estudar o quão minunciosas podem ser as suas ondas sónicas. É um capricho ainda ouvir música tão paranóica e fechada que, simultaneamente, insiste em abrir portas. Mas é um capricho bom, só possível pela cabeça de alguém de outro tempo, com a cabeça de outro tempo. Ainda para cabeças deste e de outros tempos.