Terça-feira, 29 Maio, 2018

TERRE THAEMLITZ / DJ SPRINKLES Deproduction EP1 MLP

€ 16,95 MLP Comatonse

OUVIR / LISTEN:
CLIP1CLIP2

Um edit de pouco mais de 17 minutos, cortado a partir dos 43 originais de “Names Have Been Changed”, deixa-nos permanentemente suspensos num estado clássico – cordas entram e saem com ataque dramático. Um qualquer organismo sintético emite blips muito ao fundo, quase se confundindo, por vezes, com os pássaros que se escutam no ambiente. Em modo DJ Sprinkles, o lado B acrescenta batida e palmas muito discretas, também uma linha de baixo, unificando todos os sons, não menos as gravações de vozes em indignação que prosseguem em luta, em fundo. Vinil cortado na Dubplates & Mastering, Berlim, para sobreviver ao escrutínio audiófilo de que alguns são capazes.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 18 Maio, 2018

DJ SPRINKLES presents K-SHE Routes Not Roots CD

€ 13,95 CD Skylax

OUVIR / LISTEN:
CLIP1CLIP2CLIP3CLIP4CLIP5

Terre Thamelitz (Sprinkles) transportou para uma nova vitalidade house na sua produção as habituais considerações conceptuais e agenda de interesses. “Routes Not Roots” saiu originalmente em 2006 na Comatonse Recordings, com Thaemlitz já a viver no Japão há alguns anos. A cena deep house nova-iorquina da qual fez parte no início dos anos 90 é recuperada e actualizada, qualquer factor old-school mais vincado é esbatido na intemporalidade do som house de Sprinkles, pontuado por samples de voz através das quais aborda questões como discriminação sexual ou experiências trans-género. O piano, sempre presente na sua obra, tem um papel secundário mas acrescenta sempre drama quando é utilizado. “Routes Not Roots” é um objecto estranho, pouco adequado à pista de dança que é o seu berço e melhor entendido por quem já foi iniciado na música de Terre Thaemlitz.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , / / Comentar: aqui »

Segunda-feira, 14 Maio, 2018

TERRE THAEMLITZ / ROBIN RIMBAUD / BEN GALYAS Ben Loves Terre Loves Robin 12″

€ 17,50 12″ Premature Recordings

OUVIR / LISTEN:
CLIP1CLIP2

Algum glitch clássico escutado no lado A remete para os primeiros discos de Robin Rimbaud como Scanner, em que ouvíamos captações pirata de comunicações audio entre pessoas. Recorda, enfim, uma porção substancial de alguma da melhor música ambiental dos 90s, repleta de comunicações, ruído de estática, interefrências de rádio, etc. O ruído de presença de certas máquinas, o ambiente transformado por elas, ganhou estatuto de música como, naquela escala, ainda não tinha acontecido antes. Adicionalmente, o ambiente espacial (do Espaço), reproduzido ou, mais frequentemente, imaginado em som, ganhou novo contexto nas salas expansivas de chill-out enraizadas na cultura rave mais psicadélica e exploradora de estados alterados. O próprio Terre Thaemlitz contribuiu música para essa incessante busca (“Soil”, por exemplo, na editora Instinct Ambient). No lado B, Ben Galyas continua próximo de tudo isso, mantendo uma lógica paisagística muito subaquática (o mais próximo do Espaço?), chegando perto do silêncio, potenciando a interferência do ruído de superfície natural em discos de vinil, integrando-o, por assim dizer, na composição. Disco exigente, no sentido em que é necessário parar e escutá-lo, se quisermos usufruir de toda a riqueza sónica que encerra.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 12 Setembro, 2012

TERRE THAEMLITZ Soulnessless EP 2 12″

€ 12,95 12″ Comatonse  ENCOMENDAR

[audio:http://www.flur.pt/mp3/C020EP2-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/C020EP2-2.mp3]


Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 7 Setembro, 2012

DJ SPRINKLES & MARK FELL
Complete Spiral 12″

€ 12,95 12″ Comatonse  ENCOMENDAR

[audio:http://www.flur.pt/mp3/C021-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/C021-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/C021-3.mp3]

Assim duas grandes notícias de repente: primeiro, o surgimento da japonesa Comatonse nos nossos escaparates (finalmente!); segundo, mais importante que isso, o regresso de Terre Thaemlitz. Num espaço de dias regressou ao activo com dois maxis fabulosos na Comatonse. A primeira parte de “Soulnessless” (vamos receber mais cópias para a semana, bem como a segunda parte), um projecto maior do qual falaremos na próxima semana, e este “Complete Spiral” enquanto DJ Sprinkles com a colaboração de Mark Fell. Passemos ao lado dos dois temas que ocupam o lado A, duas mixes para “Say It Slowly”, porque o verdadeiro ouro está no tema-título, “Complete Spiral”, uma faixa deep house com quase treze minutos, misturando linguagens funk, soul, jazz e, claro, house, a dominar todas as linhas que Thaemlitz e Fell constróem juntos. Tudo encaixa no sítio, há subtis variações no momento certo para os treze minutos não cansarem e o todo se tornar um bolo com tudo e mais alguma coisa que somos capazes de comer sozinhos. Próximo da perfeição.

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 10 Agosto, 2012

TERRE THAEMLITZ Soulnessless EP 1 12″

€ 12,95 12″ Comatonse  ENCOMENDAR

[audio:http://www.flur.pt/mp3/C020EP1-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/C020EP1-2.mp3]


Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 23 Outubro, 2009

ZEITKRATZER & CARSTEN NICOLAI / TERRE THAEMLITZ / KEIJI HAINO Electronics 3CD

€ 42,50 € 37,50 3CD Zeitkratzer  ENCOMENDAR

 

Zeitkratzer é uma espécie de sonho molhado para quem se sente compulsivamente atraído por música orquestral contemporânea. É um ensemble de cerca de 10-12 músicos, com quartel-general em Berlim, fundado em 97 por Reinhold Friedl, e ao longo dos anos tem servido como uma verdadeira orquestra mutante multifunções: já tivémos os discos da interpretação de “Metal Machine Music” de Lou Reed e da música de Iannis Xenakis, e nesta caixa – que compila os três volumes que apareceram isoladamente – olha para a música electrónica com partituras de Carsten Nicolai, Terre Thaemlitz e Keiji Haino. Em cada volume há uma adaptação brilhante aos universos de cada músico convidado – de Carsten Nicolai é o rigor matemático, evolutivo, que marca o som do ensemble; no volume de Terre Thaemlitz é, curiosamente, o seu lado menos abstracto que dita o programa, com uma curiosa reformatação da sua música house e do seu lado mais ambiental; com Keiji Haino é uma visceral catarse sonora que emana do colectivo. Frank Gratkowski, Hayden Chisholm e Franz Hautzinger são três dos mais conhecidos músicos que com Friedl se reunem em Berlim para depois percorrerem importantes palcos europeus reinterpretando brilhantemente alguma da mais revolucionária música dos últimos anos. E para breve: Cage, Tenney e Lucier!

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Terça-feira, 27 Janeiro, 2009

DJ SPRINKLES Midtown 120 Blues CD

dj-sprinkles-midtown-120-blues

€ 14,95 € 12,50 CD Mule Musiq  ENCOMENDAR

Terre Thaemlitz sentiu a cena house de Nova Iorque in loco. Foi dj e residente na cidade, antes de mudar para a costa Oeste e depois para o Japão, onde reside actualmente. Guru ambient a meio dos anos 90, conceptualista e pensador, DJ em drag sob o nome Miss Take e produtor de house como DJ Sprinkles, Thaemlitz sempre colocou na sua música um forte empenho político e social, sendo impossível separar as duas coisas quando se procura entender o seu universo. Pelo menos desde “Love For Sale” que é explícita a sua ligação ao activismo em prol dos direitos homossexuais e conhecidos os manifestos com que gosta de enquadrar os seus discos.
“Midtown 120 Blues” é uma espécie de declaração de amor desencantada à house, abraçando por um lado a alienação segura numa pista de dança acolhedora e, por outro, expondo as faces menos felizes que todos sabemos existirem na noite: “This is the rhythm of empty midtown dancefloors resonating with the difficulties of transgendered sex work, black market hormones, drug & alcohol addiction, racism, gender & sexual crises, unemployment, and censorship.” É no entanto um álbum de house que flutua sem esforço, e é o som envolvente de Thaemlitz perfeitamente identificado na ambiência e no piano, uma nuvem confortável com referências ténues ao clássico “My House” e a uma perdição soporífera que não incomoda ninguém à volta: estamos perdidos muito longe daqui e muito fundo, mas ninguém sabe. A sugestão de ilusão percorre todo o disco, nunca deixa verdadeiramente sentir a terra debaixo dos pés, a música quase se dlui na atmosfera mas, durante o processo, transporta pedaços de nós para mais longe ou para incrivelmente perto, se aqui quisermos permanecer..

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , / / Comentar: aqui »