Quarta-feira, 9 Janeiro, 2019

ROBERT HOOD Internal Empire 2LP Tresor

€ a confirmar 2LP (2019 reissue) Tresor

OUVIR / LISTEN:
CLIP1CLIP2CLIP3CLIP4CLIP5

EM BREVE / SOON


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 20 Abril, 2018

THE VISION Spectral Nomad 12″

€ 11,95 12″(2018 repress) Metroplex

OUVIR / LISTEN:
CLIP1CLIP2CLIP3CLIP4

Na mesma semana em que mostramos Surgeon / Vice, com exemplares de armazém de “Creep” (1997), juntamos “Spectral Nomad”, de 97, para comungar nas semelhanças entre o som de Vice (Jay Denham) e esta bomba de Robert Hood editada na Metroplex de Juan Atkins. Só nomes. A deslocação é temporal mas também física, nesta música feita de dissonâncias e repetições que desorientam a postura normal. É aparente a fuga para fora da realidade, uma idealização robótica perante a limitação de ser humano. Em “Detroit: One Circle” também a magia da geografia e o tributo a raízes mais profundas do que conseguimos ver. Encerramos com uma palavra já utilizada: Magia.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Segunda-feira, 18 Maio, 2015

ROBERT HOOD / FLOORPLAN Shaker / Ritual 12″

€ 10,50 12″ EPM

[audio:http://www.flur.pt/mp3/EPM010V-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/EPM010V-2.mp3]


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 24 Julho, 2009

ROBERT HOOD Minimal Nation 2CD

robert hood minimal nation

€ 15,50 2CD (Reedição) Mplant

Não se explica eficientemente o impacto que este conjunto de faixas tem, ainda, na música de dança. Quando saiu pela primeira vez em 1994, “Minimal Nation” foi o grande manifesto de Robert Hood após a sua saída do colectivo Underground Resistance, que ajudou a fundar. Aqui encontramos a velocidade rave, os blips da Warp, as luzes de Detroit e uma estrutura mecânica que respira independência de outras formas. O título “Minimal Nation” pode hoje conduzir ao local errado. Trata-se de música minimal e repetitiva, certo, mas o sopro das máquinas é totalmente diferente do que se escuta na produção actual, elas próprias tinham uma personalidade que agora fica reduzido a software. Ao dizer isto não se pode parar em mera nostalgia, mas a verdade é que o impacto dos sons é inultrapassável quando se detecta uma expressão original. Não foi o primeiro álbum de techno a ser gravado, só que incorporou naquele momento o espírito com-ple-to do que era a música electrónica produzida para pista de dança desde que se começou a perceber que algumas faixas dos Kraftwerk podiam servir esse propósito. A inegável qualidade mecânica desta música não exclui a forte sensação física que produz em quem a sente e, como sugerido antes, passa a mensagem de que estas máquinas realmente trabalhavam e acabavam exaustas as sessões. O álbum aparece aqui completo e remasterizado, pela primeira vez em CD, com temas extra e um CD adicional misturado por Robert Hood com faixas de outros discos do mesmo período.

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , / / Comentar: aqui »