Terça-feira, 4 Dezembro, 2018

CAMILA FUCHS Heart Pressed Between Stones CD / LP

€ 12,50 CD ATP / SVS

€ 16,95 LP ATP / SVS

Projecto conjunto entre Camila de Laborde e Daniel Hermann-Collini (SVS Records), “Heart Pressed Between Stones” é o segundo álbum de Camila Fuchs, um desafio entre a pop e a experimentação, na senda de Björk, com a confiança de quebrar o lado mais arcaico entre o que se considera “pop” vs. “experimentação. Em qualquer um dos seis temas de “Heart Presses Between Stones” há um desejo de deixar os temas respirar, de deixar que tudo cresça com o à-vontade da viagem que se quer proporcionar. A voz de Camila é a estrada mas também os sinais, um guia para uma aventura que recusa a catalogação de experimentação. É música destinada a ser ouvida sem preconceito, que convida a entrar num belíssimo compromisso entre o futuro, o novo, e o presente. Destemida e intemporal, Camila é claramente dona de um palco maior.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 5 Fevereiro, 2015

FUCK BUTTONS Street Horrrsing 2LP

€ 22,95 € 19,50 2LP (2014 reissue) ATP Recordings


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 5 Fevereiro, 2015

FUCK BUTTONS Tarot Sport CD / 2LP

€ 16,50 € 11,95 CD ATP

€ 24,50 € 22,95 2LP (2014 reissue) ATP

A estreia dos Fuck Buttons com “Street Horrrsing” revelou que este duo inglês se preocupava em fazer um filtro do noise feito nesta década num esboço com ideias próprias. Era estimulante, mas mais cativante para quem não ia buscar as referências do que para aqueles que as não conseguiam ignorar. “Tarot Sport” é um disco a milhas dessa sensação. A imagem de noise é aqui diminuta, é uma palavra rebuscada no mar de abstracção que as canções nos causam. Vai buscar a Boredoms, a Black Dice, Dan Deacon, como também se enche de ideias da Boys Noize e o universo circundante, e até trance progressivo. Rock, mas com uma sugestão mirabolante de música de dança: esquizofrénica, com batidas muito rápidas, repetitivas, que não permitem conceptualizar uma dança que acompanhe este ritmo sem que isso passe por uma simulação de ataque cardíaco. É tudo isto num só, tudo passa de canção para canção, algumas lembram mais umas coisas do que outras, mas no essencial dispara para o universo de referências que as próprias referênicas no disco apontam. Ou seja, é uma espécie de manual do rock dos últimos anos, comprimido e acelerado, histérico e bonito, multicolor e com recheio de bom disco. Vicia, não cansa, e passa muito bem como uma boa síntese de final de década.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation


Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , / / Comentar: aqui »

Segunda-feira, 6 Outubro, 2014

EAUX Plastics LP

€ 19,50 € 16,95 LP (180 gr, download code) ATP

[audio:http://www.flur.pt/mp3/ATPRLP53-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRLP53-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRLP53-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRLP53-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRLP53-2.mp3]


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 14 Maio, 2014

JOZEF VAN WISSEM / SQÜRL Only Lovers Left Alive OST CD / 2LP

€ 16,50 € 11,95 CD ATP

€ 24,50 € 22,95 2LP (180gr, download code, blood red vinyl) ATP

[audio:http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD52-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD52-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD52-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD52-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD52-5.mp3]

Há dois lados em “Only Lovers Left Alive” – o vinil divide-se, mesmo, em dois; e, já agora, apanhem a versão com o vinil cor-de-sangue. De um lado, Detroit, do outro, Tânger. No fundo, o filme, que não vimos ainda em Portugal, deve caminhar por diversas dualidades: afinal, não são os vampiros os não-humanos? E, como não podia deixar de ser, também a banda sonora acaba por criar dois corpos, duas identidades e dinâmicas. Mas tudo correu bem, pois o disco não mostra a separação, deixando-nos sempre com um ângulo sobre o outro lado. SQÜRL – o projecto rock de Jarmusch com Carter Logan e Shane Stoneback que se ergue de Bad Rabbit, criado para o filme “Limits Of Control” – faz metade do trabalho, electrificando o ambiente, num slow-core intenso e ofegante. Jozef Van Wissem dá a sua habitual contribuição melódica e exótica com o alaúde mais indie do mundo. Metade do álbum é em registo de colaboração, a outra metade separa as autorias e extrema as intenções. Dizem que o filme é bom, que é uma visão muito original e forte das histórias sobre vampiros. Ouvir este originalíssimo disco empurra-nos para essa conclusão e deixa-nos a contar os dias para o vermos no grande écrã por cá.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 8 Novembro, 2013

FUCK BUTTONS Brainfreeze / Royal Flush 12″

€ 11,50 € 9,95 12″ (Ed. Limitada) ATP

[audio:http://www.flur.pt/mp3/ATPRSP22-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRSP22-2.mp3]

Heavy clear vinyl.


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 2 Outubro, 2013

HEBRONIX Unreal CD

€ 16,50 € 11,95 CD ATP

[audio:http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD48-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD48-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD48-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD48-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD48-5.mp3]

Hebronix é Daniel Blumberg, outrora conhecido a bordo dos Cajun Dance Party e, posteriormente, com mais relevância, nos Yuck. Pelo meio disto tudo ainda conseguiu ser Oupa – um projecto muito bonito em torno do piano – solo! – e de baladas. Hebronix tem a marca-de-água de Blumberg – canções que anunciam o Sol, melancólicas, com exemplar bom gosto indie vintage nos arranjos. Não tem o poder de arranque de Yuck, mas Hebronix conquista-nos com o tempo e com a suavidade das suas canções – algo que até nem esperaríamos num álbum produzido por Neil Haggerty dos Royal Trux. Blumberg nunca foi um revolucionário e “Unreal” não podia deixar de apelar à tradição. Bem-vindos aos anos 90.


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Terça-feira, 3 Setembro, 2013

FUCK BUTTONS Slow Focus CD / 2LP

€ 16,50 € 14,50 CD ATP Recordings

€ 22,95 € 19,50 2LP ATP Recordings

[audio:http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD49-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD49-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD49-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD49-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD49-5.mp3]

Já testámos “Slow Focus” nos mais variados níveis, mas não há nenhum outro modo de escutarmos este álbum senão com o volume na fronteira da nossa própria sobrevivência. Há uma vertigem presente – que começa no primeiríssimo segundo – que parece pedir-nos para nos devorar. Fuck Buttons regressam, depois de dois álbuns valentes – o último, “Tarot Sport”, já tem 4 longos anos! -, pisando o acelerador no fundo, fazendo-nos estremecer onde quer que estejamos. E fazendo-nos acreditar que o episódio Olímpico – “Olympians” esteve na abertura dos jogos em 2012 – não fez estragos na ambição duo de Bristol. Voltou tudo à estaca zero e daí “Slow Focus” acelera até ao infinito. Quase sempre para nos deixar estáticos: basta ouvir o primeiro tema, que começa bem antes de ter começado; ou então, logo o segundo tema, que sabe como a rampa analógica se constrói. Quando há pausas (possíveis), ouve-se Sun Araw (ou será imaginação nossa em “The Red Wing”), ritmos oblíquos à Excepter (claro!) e um regresso ao cosmos em “Stalker”. Anda muita malta a fazer ruído, mas poucas bandas conseguem ser tão límpidas e assertivas quando fazem estardalhaço desta magnitude. Metam “Slow Focus” no máximo para viverem “Slow Focus” no máximo.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 4 Outubro, 2012

DEERHOOF Breakup Song CD / LP

€ 16,50 € 11,95 CD ATP  ENCOMENDAR

€ 15,50 € 12,50 LP ATP (Vinil Cor-de-Rosa)  ENCOMENDAR

[audio:http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD47-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD47-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD47-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD47-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD47-5.mp3]

Irresistível, este novo Deerhoof. Algo distante da descarga rock de outros tempos, todo o glamour nervoso da banda continua presente, embora a canção e o cânone pop esteja bem mais visível. Afinal, se temos mesmo que arranjar uma espécie de autocolante para a carreira do quarteto de San Francisco, há que referir a sua vontade em nunca se repetirem de álbum para álbum, ao longo de mais de 15 anos. Esta urgência nota-se e saúda-se, mesmo que isso não queira dizer que todos os discos tenham sido soberbos. Não o foram, mas para os nossos ouvidos não houve um álbum que tenha desiludido – mesmo. E “Breakup Song” não só não desilude como nos entusiasma bastante. A uma altura do álbum ouve-se Satomi Matsuzaki a dizer-nos que “the party is over”, mas a festa permanece activa e animada nos 11 temas, sem momentos mortos para irmos buscar uma bebida, como se “Breakup Song” fosse um longo jogo de computador ao vivo numa pista de dança fora de horas. Sabe bem ouvir soluções de futuro entusiasmantes de um grupo que parece ter tanto gozo a trocar-nos as voltas como nós a sermos entretidos. Apesar do hábito, é sempre uma óptima surpresa ouvir mais Deerhoof.

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 31 Agosto, 2012

ANYWHERE Anywhere CD

€ 16,50 € 11,95 CD ATP  ENCOMENDAR

[audio:http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD46-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD46-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD46-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD46-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD46-5.mp3]

Apesar da aparente indefinição do projecto, sugerida pelo título, os lugares de que resulta este supergrupo são bem conhecidos: The Mars Volta, Cedric Bixler Zavala (The Drive-In) e Christian Eric Beaulieu (Triclops!) juntam-se a Mike Watt (The Minutemen) e Rachel Fann (Sleepy Sun) para conjurar aqueles que são descritos como mantras modernos de silêncio electrónico, providenciados por uma mistura de guitarras acústica e eléctrica com percussão, sons digitais e electrónica sci fi. Apesar de não sintetizar a abrangência e todas as tonalidades deste álbum de estreia, “Anywhere”, o tema que partilha o nome do projecto, acaba por ser o núcleo que parece lançar as coordenadas do som da banda – orgânico e de alguma forma espectral – onde a guitarra de Beaulieu toma as rédeas, fazendo lembrar, a espaços, Led Zeppelin ou Jack Rose.

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 1 Junho, 2012

TALL FIRS The Crooked Smiles Single 7″

€ 7,95 € 6,50 7″ ATP  ENCOMENDAR


Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 30 Março, 2012

TENNIS Young & Old CD

€ 16,50 € 11,95 CD ATP  ENCOMENDAR

[audio:http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD44-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD44-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD44-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD44-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/ATPRCD44-5.mp3]

“Dream Pop” é um arco musical que abraça nomes que se entretocam por uma feliz e melancólica leveza, de que os Beach House são talvez um dos principais pontos-chave, e que encontra no termo “Indie” o cromossoma que completa o seu ADN. Tennis faz parte desta piscina genética, pelas imagens solarengas que convoca, sobretudo no seu primeiro álbum, “Cape Dory” (2011), e pelo tom agridoce que desenha em “Young & Old”. Mais musculatura rock neste álbum e um movimento de retracção que denota introspecção sem, contudo, perder frescura. Como se de um regresso de férias se tratasse, mas ainda não de volta ao mundo real. “Paradise is all around, but happiness is never found”. Se o título deste segundo álbum é revelador, talvez o seja quanto ao contraponto que denota em relação ao seu antecessor. Se bem que esse contraponto não seja diametral, antes situado num qualquer fio de cabelo que separa juventude adolescente da juventude (pouco) mais adulta.

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 28 Janeiro, 2011

AUTOLUX Transit Transit CD

autolux

€ 16,50 € 11,95 CD ATP  ENCOMENDAR

Passados seis longuíssimos anos de “Future Perfect”, eis finalmente o regresso dos Autolux, com edição europeia na sempre meticulosa e pouco interesseira ATP. Foi uma longa espera, mas este trio de Los Angeles não esteve parado e algumas das canções que estão agora juntas em “Transit Transit” andaram pela estrada em teste – estratégia cada vez mais normal por estes dias. Talvez por isso, a antecipação dos fãs foi notória, ajudada pelas primeiras partes de PJ Harvey, Thom Yorke ou Flaming Lips. Mais sintético, mais poder contido, mais construção de ambientes, mais kraut e até mais shoegazing. Ou, como podemos ver algo a nascer das cinzas de Blonde Redhead ou Sonic Youth. Desculpem as comparações. Depois, ver Carla Azar na bateria é sempre um motivo extra de satisfação genérica.

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 1 Abril, 2010

FURSAXA Mycorrhizae Realm CD

€ 16,50 € 11,95 CD ATP  ENCOMENDAR

Fursaxa (Tara Burke) é nome que caiu no esquecimento depois de todo o buzz à volta da new weird america. É daquelas coisas que não vale a pena compreender, da mesma forma que os Double Leopards ficaram na memória de quem os acompanhou durante a sua existência. O caso de Fursaxa não passa pela extinção, tem editado regularmente ao longo da última década. Seis álbuns ao todo (sem contar com edições de autor), que marcam uma evolução no som que sempre se associou à artista. Consistência e progressão marcam a sua carreira, e este “Mycorrhizae Realm”, o seu sétimo álbum, é um regresso a raízes mais folk, precisamente depois de Fursaxa ter andado às voltas com o seu som nos dois últimos álbuns. Em certos temas é atingido um patamar de religiosidade, pormenor discreto nos seus primeiros trabalhos e aqui a descoberto, embora não assumido. É um disco lindíssimo, como quase tudo que editou, com o acréscimo de ser bastante mais coerente, sólido e qualitativamente melhor que os seus últimos trabalhos.

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 6 Novembro, 2009

APSE Climb Up CD / 2LP

€ 16,50 € 11,95 CD ATP  ENCOMENDAR

€ 17,95 € 14,50 2LP ATP  ENCOMENDAR

Formados há dez anos, este é apenas o segundo disco dos Apse. O primeiro, “Spirit”, foi só editado no ano passado. Ao longo de uma década, Robert Toher, fundador, tem juntado uma série de músicos que hoje formam o núcleo dos Apse (Michael Gundlach, John Mordecai, Jed Armour, Brandon Collins e Aaron Piccirillo). São norte-americanos, mas a sua base de fãs tem surgido na Europa, graças a uma série de concertos que têm espalhado o hype. Não é estranho se nunca ouviu falar deles, são um segredo mais ou menos bem guardado. “Climb Up” é o álbum da confirmação. Surpreendente, porque assim do nada chega-nos um dos discos pop/rock do ano. Óptimas canções que na sua maioria pegam no esquema pós-rock (mas sem propensões épicas e de sobe e desce) e agregam o revivalismo shoegaze dos últimos anos. Estranhamente, funciona bem, não soa a datado, a coisa que seria melhor ouvida noutro ano. É um disco completamente 2009, tal como “Microcastle/Weird Era Cont.” dos Deerhunter era de 2008: pop/rock com traços de intemporalidade. Boas canções, portanto, e, acima de tudo, 12 boas canções que não se repetem, não acusam necessariamente uma fórmula e resultam de um sem número de referências. Sem dúvida, uma daquelas surpresas especiais.

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 25 Setembro, 2009

FUCK BUTTONS Surf Solar – Picture Disc 7″

€ 5,95 € 4,50 7″ (Picture Disc) ATP

Em jeito de antevisão para o álbum novo dos Fuck Buttons (em breve daremos notícias sobre “Tarot Sport”) e, porque não, do concerto a realizar-se na Zé dos Bois a 1 de Outubro, chega-nos o 7″ de “Surf Solar”. Edit de um tema presente no álbum, aqui na sua versão de quatro minutos (o original tem mais de dez), dá uma ideia do que podemos esperar do novo Fuck Buttons. Épico em escalada, como se os Black Dice encontrassem Dan Deacon, “Surf Solar” poderia ser um excelente tema de dança se fosse desacelarado, mas, como está, é um jogo de acção contínua e repetitiva, com flashes de cores e luzes constante. O lado B, o inédito “New Crossbow”, revela um lado mais paisagístico daquilo que os Fuck Buttons andam a explorar.

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 7 Agosto, 2009

SLEEPY SUN Embrace CD

sleepy sun embrace

€ 16,50 € 11,95 CD ATP  ENCOMENDAR

Mesmo depois do hype à volta da editora (há uns 4/5 anos atrás), a ATP tem resistido bem aos tempos. Há um ano atrás deram-nos o celebradíssimo “Street Horrrsing” dos Fuck Buttons e neste ano, num registo bem diferente, há “Embrace” dos Sleepy Sun. Psicadelismo directamente de São Francisco, apropriando com vigor algumas dicas deixadas por Neil Young e os Grateful Dead. Nos dias de hoje, colocamos ao lado de uns Howlin’ Rain, Black Mountain, Comets On Fire, não tanto por semelhanças sonoras – embora existam – mas pelo cuidado e detalhe com que traduzem linguagens de décadas passadas (60s e 70s, principalmente) para os dias de hoje. Depuração máxima nas guitarras e na voz que, sem perderem a atenção nas origens, se metamorfoseiam para um destino mais próximo do shoegaze e dão um lado mais dreamy às canções dos Sleepy Sun, contido e certeiro na duração e não expansivo e longo como por vezes seria de esperar.

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , / / Comentar: aqui »