Segunda-feira, 20 Novembro, 2017

GOLDEN TEACHER No Luscious Life CD / LP

€ 12,95 CD Golden Teacher

€ 22,50 LP Golden Teacher

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

EM BREVE / SOON

O esperado primeiro álbum. E se não é uma compilação de faixas anteriormente editadas, representa um conjunto de música que a banda já afinou ao vivo (como bem sabemos, por cá) e no seu estúdio The Green Door. Golden Teacher chegam a 2017 como uma força séria no circuito ao vivo mas também com uma impecável reputação de edições em disco. A junção entre África, acid house, industrial e pós-punk soa muito natural e nada complicada, apesar dos arranjos ricos. GT são o que !!! e Spektrum poderiam ter sido se não tivessem amaciado o seu som, são a reencarnação das experiências dub de Andy Partridge e XTC (“What Fresh Hell Is This?”), os LCD Soundsystem com mais nervo, são a pátria de várias periferias. Na contínua reinvenção do encontro entre dança e pop, “No Luscious Life” entra para o topo.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 16 Novembro, 2017

MICA LEVI Delete Beach 2×10″

€ 29,50 2×10″ DDS

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

EM BREVE / SOON

Mica Levi é um dos nomes mais importantes da electrónica actual. Criou uma escola de sons, as suas bandas-sonoras, “Under The Skin” e “Jackie”, são um portal para outra dimensão. Ouvidas fora do contexto são um intenso mundo de experiências e sons, uma realidade paralela abstraída de qualquer humanidade, em que só existe o poder e as formas do som. “Delete Beach” sonoriza o filme de animação de Phil Collins e é um passo em frente no seu trabalho, não só no que diz respeito a bandas-sonoras, mas também o que tem realizado fora desse âmbito. As ambiências de Mica Levi são únicas, há uma surpresa iminente, um confronto constante entre os sons do quotidiano e som de outra dimensão. Envolve até onde pode, depois constrói em cima dessa envolvência para tornar o ouvinte numa personagem habitável/não-habitável nesse universo. Essa característica na sua música, de constante inclusão e exclusão do ouvinte é um dos factores primordiais da música de Mica Levi, ela quer e não nos quer lá, e é nesse confronto, ou campo de batalha, ou um não-espaço, que o melhor das suas composições acontece. Constrói música, som, que não devia existir: um pouco como os Hype Williams fizeram e ainda fazem. Mas no caso de Mica Levi não há rotas, é um constante desnorte. Nunca se está no seu mundo, está-se noutro sítio, ou não-sítio, qualquer.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 16 Novembro, 2017

COLLEEN A Flame My Love, A Frequency CD / LP

€ 14,50 CD Thrill Jockey

€ 18,95 LP Thrill Jockey

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

A música de Colleen é uma bolha de contemplação, um lugar seguro em que isso está presente e onde o receio da bolha rebentar é inexistente. A sua música aconchega e por mais fronteiras que desafie, sabe-se que se está num local de confiança. “A Flame My Love, A Frequency” ameaça testar esses limites, logo no início com a lindíssima “Separating”, mas ao fim de uns minutos enrolados nas texturas dos seus sintetizadores percebe-se que o envolvimento na nuvem de Colleen não vai desaparecer. Aconchega, abraça, os sons começam a trazer calor humano com a voz de Colleen, mesmo que seja residual, esparsa, esotérica. E está lançado o mote para o disco, um belíssimo disco de electrónica, homenageando um passado que tanto passa por Delia Derbyshire e Suzanne Ciani como os Kraftwerk de “Radioactivity” ou a descoberta disto tudo dos Radiohead em “Kid A”. Colleen vai mais longe e cria um crescendo, as texturas – a nuvem-Colleen – assumem uma forma que envolve o ouvinte como nunca se ouviu num álbum de Colleen. Maturidade, inocência e o céu juntos para um magnífico acontecimento. Mais um de Colleen, o seu melhor até à data.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 16 Novembro, 2017

V/A Diggin In The Carts: A Collection Of Pioneering Japanese Video Game Music CD

€ 14,50 CD Hyperdub

Atitude ousada e justificada num momento em que se começa a dar atenção à música electrónica produzida para animação e videojogos japoneses ao longo das décadas de 1980 e 1990. São criações distintas, contudo, a abertura de uma tem permitido que o universo da música criada para videojogos ganhe algum respeito, aceitação e se perceba a sua influência na música electrónica de artistas que surgiram na última década: muitos cresceram com estes sons nos ouvidos. “Diggin’ In The Carts” puxa logo pela referência aos cartuchos de videojogos e as especificidades dos seus sons próprios e exequíveis nas placas de som das consolas e das arcadas. As limitações deram caminho à criatividade e a partir de uma série de documentários produzidos pela Red Bull Music Academy, com o mesmo título desta compilação, Nick Dwyer e Kode9 resolveram explorar um universo e fazê-lo sair de um nicho. Os temas curtos e directos de “Diggin’ In The Carts” são um exercício de nostalgia para quem jogou alguns destes videojogos, para os que desconhecem é um mundo admirável de acção, tensão e sons com um ritmo muito próprio e um beat que cria uma narrativa imediata: é fácil perceber, imediatamente, os sons de níveis de boss ou de momentos mais genéricos de um videojogo. Contam uma história breve e na sua presumível simplicidade – audições prolongadas e mais atentas maximizarão a experiência deste tipo de composição – revelam um mundo que esteve sempre à mão de semear mas que só nos últimos anos está a ter a devida atenção. A história da música electrónica também se faz por aqui. E sem esta cultura e o rasgo de génio de quem conseguiu criar estas pequenas maravilhas dentro das limitações de um cartucho não teríamos alguma da electrónica que ouvimos hoje.

“By layering and rearranging a small palette of pure sound waves, game music of the 1980s and early 90s was experimental by sheer necessity, and there was no mixing and mastering, which in the context of that era, meant less commercial airbrushing. (…) The compilation’s laser-guided focus on sound wave fits it neatly into the Hyperdub catalogue, and many interludes could be beatless Zomby instrumentals, though there’s often a weightless, elliptical feel that’s strinkingly out of step with the baning beats and samples that were soundtracking games in arcades and one home computers like Commodore Amiga in the early 1990s. Still, Hyperdub has made being out of step nto an art form over the last decade or more, and ‘Diggin’ In The Carts’ is the most inventive video game music compilation in living memory.” Derek Walmsley, The Wire #406

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , / / Comentar: aqui »

Terça-feira, 14 Novembro, 2017

OBA LOBA Sir Robert Williams LP

€ 21,50 LP Three:Four / Silent Water

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Depois de “Oba Loba”, Norberto Lobo e João Lobo viraram o seu projecto para o nome do álbum, integrando assim o desejo mais composicional e maior do grupo, assumindo o nome Oba Loba para este “Sir Robert Williams”, onde se juntam Ananta Roosens, Lynn Cassiers, Jordi Grognard e Giovanni Di Domenico aos dois Lobos. Aqui o desejo de ambos em criar orquestrações fica mais claro e transcende o lado mais funcional do álbum anterior. O som é mais robusto, redondo, e tanta encaixa no efeito “banda-sonora” como numa aventura num corredor estreito pela música contemporânea. Talvez o mais notório em “Sir Robert Williams” é sentir-se que são peças que estão menos presas à guitarra e mais fixas no espaço, no domínio, criado pela electrónica. Celestial.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , / / Comentar: aqui »

Terça-feira, 14 Novembro, 2017

SERGE GAINSBOURG / JEAN-CLAUDE VANNIER Les Chemins De Katmandou LP

€ 20,95 LP Finders Keepers

ESGOTADO EM PRÉ-ENCOMENDAS / SOLD OUT ON PRE ORDERS

A aventura da Finders Keepers começou com a edição do magnífico “L’Enfant Assassin Des Mouches”, de Jean-Claude Vannier. Mais de uma década depois, a editora dá a volta, chega ao número de catálogo 100 (isto só na Finders, porque há todo um universo paralelo – imenso – à volta): a celebração é incrível, o belíssimo “Les Chemins De Katmandou” de Serge Gainsbourg e Jean-Claude Vannier, durante o período áureo de criação de ambos. É a primeira vez que é editado em vinil e é uma pérola de música library/banda-sonora e que marca não só o período do Maio 68 como também um momento mágico da pop psicadélica: as influências aqui são muitas e entrelaçam-se de forma magnífica. A edição já está esgotada e recebemos um número muito – mesmo muito – limitado de cópias. Não vamos conseguir mais desta edição. E, por enquanto, não está em vista nenhum repress. Apressem-se.


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Terça-feira, 14 Novembro, 2017

SUZANNE CIANI Help, Help, The Globolinks! LP

€ 18,95 LP Finders Keepers

“Help, Help The Globolinks!” é a interpretação de Suzanne Ciani da ópera para crianças composta por Gian Carlo Menotti no final da década de 1960. Ciani pegou e trabalhou-a à sua maneira na década seguinte, tendo visto a luz do dia em 1980. É um trabalho intensamente criativo, em que cria ambientes de ficção científico com sons que traduzem a linguagem de uma raça alienígena. Há uma narração constante ao longo dos dois lados (dez minutos cada) através dos sons e da electrónica que Ciani desenvolveu ao longo da década de 1970, aqui concentrados num intenso e bonito processo de comunicação.


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Sábado, 11 Novembro, 2017

COLLEEN Colleen Et Les Boîtes À Musique LP

€ 18,95 LP (2017 reissue) Leaf

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Um álbum mascarado em forma de EP, “Colleen Et Les Boîtes À Musique” foi uma encomenda do governo francês para uma emissão de rádio. Em 2006 Colleen estava à frente do seu tempo no que diz respeito ao revivalismo por library music e aventurou-se numa electrónica que agora, mais de dez anos depois, faz mais sentido depois de ouvir “A Flame My Love, A Frequency”. Uma belíssima caixinha de música, delicada e inovadora e com um arrojado sentido composicional.


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Sábado, 11 Novembro, 2017

LORD ECHO Melodies 2LP

€ 17,50 2LP Soundway

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Fake Africa? Talvez, talvez. No entanto, Mike Fabulous não se chama assim por nada. Este é o seu primeiro álbum, de 2010, já com estatuto de clássico e agora reeditado na Soundway. Síntese de África e Jamaica, nunca demasiado tradicional mas a entrar pelo tempo adentro com muita autoridade. Chequem o lovers rock em “The Book Keeper”. Lindo. Há também Disco, Afrobeat e uma cultura de música negra bem dedicada, culminando no que é tido como um single carismático: “Thinking Of You”, com skank Reggae mas claps de Disco. Siga.


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , / / Comentar: aqui »

Sábado, 11 Novembro, 2017

COLLEEN Les Ondes Silencieuses LP

€ 18,95 LP (2017 reissue) Leaf

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Em “Les Ondes Silencieuses”, editado originalmente em 2007, Colleen explora uma série de instrumentos mais clássicos e cria uma espécie de contraponto na aventura melódica e harmoniosa que tinha sido a sua carreira até então. Lento, espacial, é o disco mais a preto e branco – e real – na sua carreira. O seu tom clássico contrasta com alguns dos álbuns mais populares de Colleen, mas as notas repetidas, o hipnotismo causado pelo espaço vazio de “Les Ondes Silencieuses” expressam a tranquilidade e as cores de Colleen.


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Sábado, 11 Novembro, 2017

COLLEEN The Golden Morning Breaks LP

€ 18,95 LP (2017 reissue) Leaf

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

O segundo álbum, depois de “Everyone Alive Wants Answers”, “The Golden Morning Breaks” (2005) é uma rigorosa e saturada congestão da Colleen minimal, que procurava texturas através de loops de guitarras e da distorção causada por overdubs. Estava em confluência com o que se fazia na época, principalmente da música maioritariamente editada em CDRs na primeira metade do século XX. Ouvimo-la inspirada pelos sons que vinham dos Estados Unidos e de Inglaterra na altura, com o desejo de encontrar um som transparente através dos métodos que resolveu utilizar. Talvez tenha falhado nessa ideia de transparência, mas criou uma falsa música de câmara, cheia de identidade e com um efeito contemplativo único. Ainda hoje é um disco único, uma belíssima caixa temporal do melting pot musical que foi a primeira metade dos 2000s.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 9 Novembro, 2017

DJ LYCOX Sonhos & Pesadelos LP

€ 12,50 LP (hand-painted sleeve) Príncipe

Lycox vem com créditos Tia Maria Produções. O EP da crew, em 2014, incluía o fantástico “O Tempo Da Vida” (Lycox) e é um pouco desse sentimento que captamos em “Solteiro”, a faixa de avanço neste álbum. Impossivelmente romântico e tropical, ao lado da norma, puxando por vozes sintéticas que acentuam uma certa melancolia. Rico nos detalhes de produção, o resto do álbum não procura tão activamente o romance (mas atenção ao sentimento em “Virgin Island” e “Sky”) mas tem um house abençoado (“Domingo Abençoado”), triste por só durar 2 minutos, e opera bem uma qualidade cromada no futurismo afro-cêntrico em faixas como “Weekend” ou “Galinha”. A derivação em relação à matriz do kuduro exibe as ideias vanguardistas de Lycox, nesta música juvenil, naturalmente rebelde, mas agregadora e com tudo pela frente.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 8 Novembro, 2017

BRUXAS Más Profundo 12″

€ 11,50 12″ (repress) Dekmantel

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Bruxas traz para a frente uma cápsula de época que só recolhe e guarda os pedaços correctos e mais representativos de uma estética Disco impossível de afastar para o lado como inconsequente. “Tropicacovas” pode até recordar a dub house de Idjut Boys e alguma psicadelia groove na editora Discfunction, mas isso é terrivelmente bom. O princípio em que assenta o EP é deliberadamente exótico, a música constrói um mundo artificial em cores brilhantes. “Más Profundo”, a canção de abertura, aprofunda (o termo não é gratuito) a filosofia Peaking Lights mas também ouvimos ali Cerrone. Pouco ou nada para para hesitar, se já se reconheceram nas coordenadas. Segunda prensagem deste hit do Verão passado.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 8 Novembro, 2017

V/A Digital Zandoli 2 CD / 2LP

€ 13,95 CD Heavenly Sweetness

CD EM BREVE / SOON

€ 20,95 2LP Heavenly Sweetness

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

O segundo volume 2 de “Digital Zandoli” reaquece o local do primeiro, reaproximando-nos daquela zona do planeta para mais música estranha e dançável. Concentração nas Índias Ocidentais francesas e em derivações de zouk totalmente pop, sobretudo em crioulo, com brilho sintético da produção cristalina que pretende vender muitos milhares de discos. Com essa premissa, essa vontade de sucesso através de música alegre, temos o privilégio de ouvir o som de uma outra latitude e outra época e concluir que há ali muito para nós. A pancada seca de tarola em “Blanc E Noir”, por exemplo, contrasta com os outros sons mais redondos e sedutores e introduz, a ouvidos que gostam de explorar nuances, aquela estranheza de que falávamos. Desembrulhar – por assim dizer – este disco faixa a faixa oferece a possibilidade de acolhermos ideias pop com as quais não convivemos habitualmente. Mesmo que a vossa inclinação não seja o som MIDI característico dos primeiros anos da produção digital em massa, devem conseguir entrar pela pura musicalidade.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 8 Novembro, 2017

V/A Outro Tempo: Electronic and Contemporary Music from Brazil, 1978-1992 2CD / 2LP

€ 17,95 2CD Music From Memory

€ 25,95 2LP Music From Memory

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Acreditamos que não existe maneira fácil de abordar esta compilação. Não se trata de música brasileira como normalmente se entende e também não é música académica. Mas a origem é até bastante aparente numa canção como “Madeira II (Mãe Terra)” de Marco Bosco. “Corpo Do Vento”, de Priscilla Ermel, soa até quase portuguesa (tambor e instrumentos de sopro). Ouve-se também pop de sintetizador muito deliciosa e muito fora; groove deslocado de contexto mas, há que reconhecê-lo também, muito brasileiro (Nando Carneiro, por exemplo), batucadas, vozes puras e também os campeões Mulheres Negras, dupla paulista de culto na década de 80, com direito a aparições no show de Jô Soares e cartoons na revista “Animal”, sempre no limite entre o vanguardista e o tradicional (isso é notório em “Eu Só Quero Um Xodó”), um pouco à semelhança de Ocaso Épico em Portugal. E praticamente não está nada dito. Obrigatório, mas por que motivo? Vocês descobrirão o vosso, mas o simples amor à música basta.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

1. Piry Reis – O Sol Na Janela
2. Nando Carneiro – G.R.E.S. Luxo Artezanal
3. Cinema – Sem Toto
4. Os Mulheres Negras – So Quero Um Xodo
5. Fernando Falcao – Amanhecer Tabajra
6. Anno Luz – Por Que
7. Andrea Daltro – Kiua
8. Os Mulheres Negras – Maoscolorida
9. Bene Fonteles – O M M
10. Carlinhos Santos – Giramundo
11. Priscilla Ermel – Gestos De Equilibrio
12. Carioca – Branca
13. Marco Bosco – Sol Da Manha
14. Maria Rita – Cantico Brasileiro No. 3 (Kamaiura)
15. Marco Bosco – Madeira II
16. Priscilla Ermel – Corpo Do Vento
17. Luhli E Lucina – E Foi

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Terça-feira, 7 Novembro, 2017

ZAZOU / BIKAYE / CY1 Noir Et Blanc LP

€ 28,95 LP (2017 reissue) Crammed

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

É a primeira vez, desde a sua edição original de 1983, que o magnífico e muito influente “Noir Et Blanc” é reeditado. Um disco de fusão de ritmos e vozes congoleses com a electrónica e jazz que estavam a ser transpostos para outras linguagens na primeira metade daquela década. É um disco muito influente, não só pelas suas características de fusão, mas também pela forma como os beats desbravaram a tendência para a criação de certos beats na música de dança nas duas décadas seguintes (e que se sente ainda hoje). Há um tom minimalista, quase de esqueleto, presente ao longo de todos os temas. Harmonia, funk, boogie e futuro.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Terça-feira, 7 Novembro, 2017

CHARLES MANIER Luxus Steroid Abamita 2LP

€ 32,50 2LP Bopside

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Manier = J.T.C. (James T. Cotton, Tadd Mullinix), 100% dedicado ao fervor analógico já num mundo pós-JAK. Quem se lembra dos discos na Crème-JAK, Nation, até na Spectral Sound, vai esperar mais bump ácido, mas Manier (que também já tem algum catálogo em seu nome) faz aqui o que está quase quase a ser um álbum industrial do início dos 90s. A diferença (e é muita) está na distância em relação aos costumes da época, já demasiado formatados e formulaicos para terem crédito automático. Uma faixa como “Urge To Dive” dificilmente seria tão contida, na altura, e ninguém faria uma suite de 17 minutos a ocupar um lado inteiro (“Yopo”). O álbum consegue unir Trax e Wax Trax (verifiquem a vossa info sobre editoras de Chicago) sem piscar. Estilo!

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , / / Comentar: aqui »

Terça-feira, 7 Novembro, 2017

LARAAJI Bring On The Sun / Sun Gong 2CD

€ 17,50 2CD All Saints

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Dois CDs bem reveladores das várias tonalidades trabalhadas por Laraaji e até, utilizando terminologia New Age sem qualquer ironia, dos diferentes “moods” que ele promove. Gravações soltas, no primeiro CD, espalhando aquele tipo de amor universal que conhecemos da sua música e que, como indivíduo, ele não deixa de transmitir. “Enthusiasm” é, aqui sim com ironia, talvez a faixa mais pausada, menos literalmente entusiasta, mas isso porque o tom geral é de calma, chegar a lugar nenhum sem pressa alguma. Função principal: aceitar a mudança como algo natural, “if you can flow with Change, you can flow with life”. Observar o que se passa. “Change”, “Reborn in Virginia” e “Open The Gift” são canções de pleno direito, pouco antes do primeiro CD encerrar e passarmos às duas partes de “Sun Gong”, longas meditações com o instrumento no centro, originando o fluxo de energia que escolhemos acolher ou deixar passar. Sempre essencial.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Segunda-feira, 6 Novembro, 2017

ERRORSMITH Superlative Fatigue 2LP

€ 22,95 2LP PAN

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

EM BREVE / SOON

“Superlative Fatigue” é um álbum há muito prometido – e esperado – que demorou anos para ver a luz do dia: estava nas listagens da PAN há algum tempo. Errorsmith não editava há 13 anos, mas esteve sempre activo. Tem estado presente em muitas festas com música que comunica com o presente e havia um entusiasmo crescente do que poderia sair da mente de Erik Wiegand. O segredo foi desvendado e este “Superlative Fatigue” é uma configuração abstracta da música de dança mais actual dos dias de hoje (com Príncipe à cabeça, é claramente notória a influência da Príncipe na desconstrução metódica de Errorsmith). Música android, existencial, em sintonia com os melhores dias da PAN. Um futuro clássico. Cópias muito limitadas.


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Segunda-feira, 6 Novembro, 2017

POWELL New Beta Vol. 2 LP

€ 16,95 LP Diagonal

EM BREVE / SOON

Depois de ter lançado “Sport” (XL, 2016), Powell encontrou uma necessidade de explorar, cortar com o som que fechou um ciclo com o seu disco na XL: que é, na verdade, o seu primeiro, depois de imensos maxis e da compilação que os reunia. “Sport” fantasiava com o passado, era a maximização de uma fórmula que tinha de chegar ao seu fim antes de estagnar. Há uns meses Powell surgiu com “New Beta Vol. I”, uma revitalização no seu som, dado a um tipo de experimentação diferente mas com a abordagem quebra-regras/fronteiras de sempre. É um campo de testes, Powell anda a brincar com novo material, a criar pontos de abstração diferentes e a apontar para uma versão dos Autechre desta década. Os Autechre talvez seja a sua maior fonte de inspiração, o corte, o trabalho, a aproximação dos ritmos electrónicos a um fraseado de jazz chamam a referência, embora seja claro que o que os aproxima fica só aí: Powell tem um som de outra escola e está preocupado em renovar a música de dança do que a electrónica. “New Beta Vol. II” é mais um campo de testes, mais redondo do que o volume anterior e com alguns temas que são autênticos strobes de sons: o mais evidente é o magnífico “Rudeboy, Let’s Funk”. Estamos a adorar este novo som de Powell.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »