Quinta-feira, 11 Junho, 2015

KÖLSCH 1983 CD

€ 15,50 € 12,95 CD Kompakt

[audio:http://www.flur.pt/mp3/KOMPAKTCD122-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/KOMPAKTCD122-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/KOMPAKTCD122-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/KOMPAKTCD122-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/KOMPAKTCD122-5.mp3]

O que se faz com as coisas bonitas? O mundo divide-se, provavelmente ao meio, quando temos de olhar ou ouvir algo que foi polido e trabalhado para reluzir ao mínimo raio de luz. Gostamos muito de rugosidades e superfícies pouco trabalhadas – e uma boa ideia dispensa qualquer acabamento final, dirão muitos -, mas como dizer “não” a um doce? Vem isto a propósito porque “1977″, o anterior álbum de Rune Kölsch, foi acusado de ter derretido o coração de meio mundo e de ter irritado a outra metade – assumia sem vergonha o seu lado épico, hiper-celebratório, coberto de lantejoulas que foram feitas para brilhar e nos conquistar. Nada de mal, sim, até porque conduzir as emoções a um estado tão eufórico não é para todos. E colocar as pessoas lá em cima com um disco assim acabou por ser uma pressão esmagadora para o que viesse a seguir. “1983″ aparece como mais um retrato pessoal de Kölsch, que relembra o Verão desse ano em que era levado pela família ao sul de França. Banda sonora de férias, praia e calor: onde é que acham que “1983″ vai dar? Kölsch não abdica do hedonismo e da adrenalina, e volta a apontar o dedo para cima, como se este pôr-do-sol fosse eterno. Música redonda, inocente, feita como uma droga natural sem efeitos secundários, infalível para todos – excepto para aqueles que insistam em permanecer na tal outra metade.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »